O protagonista masculino e a jogadora disfórica

TW: Disforia

Sabe quando bate aquele mini ataque cardíaco de “Minha Deusa, eu não tenho nada pra postar no blog hoje!”? Todos os assuntos parecem tão complicados. Tanta pesquisa deve ser feita para falar de certos assuntos. E a área de pesquisa que eu escolhi envolve muito dinheiro. Dinheiro que eu não tenho.

Mas sabem sobre o que eu posso falar com propriedade sem essa pesquisa toda?

Sentimentos.

Ultimamente eu tenho jogado muito Far Cry 3, e nas primeiras sessões desde que cheguei daquela viagem, os inimigos gritando “peguem ele!” “não deixem ele escapar!” acabaram me deixando um tanto quanto disfórica.

Continuar lendo

Anúncios

Hacker é condenado à morte… In-game.

O Gamasutra, sendo um site comunitário como é, solta cada notícia bizarra e obscura que vou te contar, viu?

Hoje eu não ia postar nada, mas essa notícia me deixou desconcertada, e eu precisava falar sobre o assunto.

No dia 7 desse mês, um hacker que se apresenta pelo nome de DarkSide foi banido do Guild Wars 2… E executado publicamente dentro do jogo.

É.

TW: Suicídio (cartunesco).

Continuar lendo

Visibilidade trans no M20!

Cara, eu AMO a Onyx Path Publishing! Eles são tipo a BioWare dos jogos de mesa.

Ontem eu encontrei esse bloco de texto da edição de 20 anos de Mago: A Ascensão enquanto surfava pela internet. E meu respeito pelos caras que trabalham na Onyx Path triplicou depois dessa.

O texto fala sobre fluidez de gênero e sexualidade entre os magos e os adormecidos (pessoas que não sabem fazer magia) e sobre a interpretação de personagens de realidades culturais diferentes da sua.

REPRESENTATIVIDADE IMPORTA SIM! É sempre bom ver obras incluindo pessoas trans e outras identidades de gênero como parte da sua realidade. Mesmo que seja em um jogo de nicho feito pra um publico hardcore de uma mídia super underground, como é o caso de Mago: A Ascensão.

Aqui vai uma tradução minha do conteúdo:

Continuar lendo

Mycraft

Você acabou de voltar de uma viagem extremamente estressante para outro estado. Tudo que podia dar errado nessa viagem, deu errado, e agora de volta em casa, tudo que você quer fazer é enterrar sua cabeça num travesseiro para esconder para sempre a sua vergonha.

Aí você nota que seu irmãozinho comprou um jogo novo pro PS3 e se anima de novo.

Essa fui eu hoje. Qualquer chance de jogar algo novo me anima como uma criancinha no natal, não importa o quão triste ou estressada eu esteja.

Continuar lendo

Bem vindes!

Krem por Sparks

Seja bem vinde ao FGD!

Meu nome é Felicia (duh) e por meio desse pequeno espaço da Internet, pretendo dividir com vocês, querides leitores, todo tipo de informação interessante sobre jogos, nerdices e coisas trans.

Aqui vocês lerão estudos, resenhas, críticas e opiniões sobre tudo que é nerd, através da perspectiva de pessoas trans.

E não são só meus textos não, okay? O nome do site pode ter meu nome nele, mas qualquer pessoa trans pode participar e contribuir com o que quer que seja.

O FGD é um lugar seguro para pessoas trans nerdarem e discutirem à vontade, e intolerância não será tolerada! E amigues cis podem conversar também.

Então relaxa aí, pega um suco e deita na sombra. Estamos entre amigues.