Trans In Games – Kirby

Esse provavelmente será o último Trans In Games do ano, e eu queria fechar o ano com uma coisa fofinha e cor de rosa. E não existe nada mais fofinhe E cor de rosa que e próprie Kirby!

Mas agora você deve estar pensando “What the fuck, Felicia? Desde quando Kirby é trans?”

Okay, você tem razão. Kirby não é trans no sentido de que recebeu um gênero no seu nascimento, mas no decorrer da sua vida se viu como sendo de um gênero diferente… ENTRETANTO, não existe maior desafio a normas de gênero no mundo dos jogos do que essa bolinha cor de rosa que gosta tanto de comer!

Possíveis Spoilers de Kirby’s Avalanche, Kirby’s Dream Land 3 e Kirby 64: The Crystal Shards (mas nada demais) a seguir~

Eu não to conseguindo evitar o sorriso enquanto faço a pesquisa pra essa matéria! Kirby é a coisinha mais fofa do mundo!

KirbyKirby

É uma bolinha cor de rosa com bracinhos e pezinhos que, na maioria das suas encarnações, vive no planeta Pop Star no reino de Dream Land, onde tem váries amiguinhes animais, plantas, pessoas e fantasmas! Kirby adora comer e cantar, por mais que seja super desafinade. Kirby também é super infantil, muitas vezes parecendo ser apenas um bebezinho que só sabe falar coisas como “Oi!” e “Poyo”, além do nome de algumas comidas (porque adora comer), e  as vezes repetir coisas que as pessoas lhe falam, como se ainda estivesse aprendendo a falar.

Kirby é uma bolinha super feliz, inocente e pro-ativa que as vezes também pode ser bastante impulsiva. Kirby não é uma pessoa de ter muitos problemas e aprecia as coisas pequenas da vida, mas sempre que amigues precisam de ajuda, Kirby se oferece com um sorriso no rosto e muita fominha no estômago! E o seu troféu de Super Smash Bros. Brawl, inclusive diz que Kirby é ume ótime técnique! Verdadeiramente ume heroíne para todas as horas.

Mas o mais importante de tudo: Kirby não tem gênero. O uso de pronomes masculinos e femininos não é imperativo em japonês, então es desenvolvedores de Kirby decidiram manter o seu gênero escondido de qualquer texto em todos os seus aparecimentos.

698152039_orig

Kirby curtindo um som

No anime de Kirby, Hoshii no Kaabi (que veio para o Brasil como Kirby e Seus Poderes), Tiff e Tuff descrevem Kirby como sendo apenas um bebê, e, bem, bebês não tem gênero, tem? Idealmente, quando a hora chegasse, crianças poderiam escolher o seu próprio gênero, ou então se manter pra sempre sem gênero nenhum ou na fluidez de gêneros nas brincadeiras de criança.

Kirby é uma bolinha cor de rosa cheia de potencial que, assim como uma criança, pode ser o que ela quiser! Kirby tem poder sobre a sua própria identidade (e gênero), e isso é demonstrado através de mecânicas de jogo. Deixe-me explicar!

Quando Kirby absorve um inimigo, as principais características desse inimigo são reproduzidas no seu corpo e nas suas habilidades, podendo radicalmente mudar a sua forma de jogar. Vendo que identidade de personagens de videogame muitas vezes é determinada pelas suas formas de interagir com es jogadores, Kirby acaba mudando não apenas a sua aparência, mas sua identidade enquanto personagem de videogame como um todo.

Isso acontece em quase todos os jogos de Kirby, mas vamos dar uma olhada nos jogos da série Super Smash Bros., que eu acredito ser o melhor exemplo para ilustrar a fluidez de gênero de nosse amiguinhe comilão:

Em apenas uma partida de Smash, Kirby conegue trocar de gênero várias vezes com pouco esforço. Se Kirby absorve Palutena, Kirby não apenas consegue seus luxuosos cabelos esverdeados e a sua linda coroa de loros dourados, como também o seu ataque mágico com o cetro. Então na mesma partida kirby absorve o Bowser, ganha chifres, sobrancelhas raivosas, e a habilidade de cuspir fogo. E depois Kirby absorve a Rosalina, conseguindo uma coroinha maravilhosa na sua cabeça e invocando estrelinhas fofas pra atacar sues inimigues.

Em apenas uma partida, Kirby foi de agênere para mulher, então para homem, e aí para mulher de novo, emprestando as características físicas, movimentos e as identidades de sues adversáries.

Kirby tem gênero fluido!

tumblr_njxywu5qL11rp8s0ho1_1280

Kirby Palutena arrasando na cabelera

A não-binaridade de Kirby, entretanto, muitas vezes é deixada de lado a favor de uma identidade masculina. No ocidente, Kirby é tratade sempre como “ele”. Desde a sua primeira aparição em Kirby’s Dream Land, o manual de instruções da versão estado-unidense do jogo já descrevia Kirby como “um garotinho muito ativo”. E a capa estado-unidense também tirou a cor rosa de Kirby e transformou em branco, provavelmente para vender o jogo como um “jogo para meninos”.

Eventualmente, Kirby conseguiu sua rosidade de volta no ocidente! Mas nunca pararam de tratar-lhe no masculino. Na verdade, até recentemente, Kirby foi recebendo mais e mais características masculinas aqui no ocidente pra justificar o fato de que ele é um “menino”. Deixa eu te mostrar umas comparações de capas de jogos de kirby no ocidente e no oriente.

kirbycapas1

Kirby’s Air Ride. Capa japonesa na esquerda. Capa estado-unidense na direita.

 

kirbycapas2

Kirby’s Return to Dream Land. Capa japonesa na esquerda. Capa estado-unidense na direita.

Dá pra ver a diferença? Nos Estados Unidos Kirby está com mais raiva, e na segunda capa está até segurando uma espada gigante. Ambas formas de tentar diminuir a “fofura” e tentar vender melhor o jogo pra meninos ocidentais, confirmando a “masculinidade” de Kirby.

Em Kirby’s Avalanche, um jogo de SNES exclusivamente lançado para a Europa e os Estados Unidos, Kirby até começou a falar mais e se portar de uma forma menos inocente e mais rude, para “refletir melhor” os meninos que jogavam esses jogos.

Se a Nintendo of America tivesse lidado melhor com o gênero de Kirby, uma mensagem muito mais positiva poderia ser sido passada:

GAROTOS PODEM USAR ROSA.

B003ZCH7DI.01.lgQuando essa coisinha rosada e redonda responde a pronomes masculinos sem qualquer problema, Kirby está indiretamente dizendo que meninos podem usar rosa SIM. Mas não foi isso que aconteceu, e a imagem de Kirby aqui no ocidente acabou simplesmente ficando distorcida desse jeito meio esquisito. Não foi até Kirby’s Epic Yarn que a Nintendo of America decidiu parar de generizar Kirby e deixar essa bolinha rosa voltar a não ser nada além de um bebezinho inocente.

Mas nós podemos, e devemos, nos apropriar de Kirby para que ele possa passar essa mensagem de “meninos podem gostar de rosa” para es nosses filhes, para que consigamos tornar ideias binaristas irrelevantes no futuro.

Agora nós também temos que notar que a pesar dos jogos de Kirby serem feitos para crianças pequenas, e apesar de Kirby se apresentar de uma maneira aparentemente feminina enquanto, no ocidente, responde a pronomes masculinos, Kirby gosta de garotas!

Em Kirby 64: The Crystal Shards, uma fadinha cor de rosa mega fofa chamada Ribbon é apresentada como interesse romântico de Kirby!!!!!!! No final do jogo, Ribbon dá um beijinho em Kirby e es dues ficam mega sem-graça indicando que realmente há um interesse mútuo meio envergonhado ali. E em Kirby’s Dream Land 3, outra garotinha rosa com fitinha vermelha na cabeça, ChuChu, tem uma clara quedinha por Kirby.

Kirby.Series.full.1526556

Kirby e Ribbon curtindo um dia ensolarado. Artista desconhecide.

Kirby: Arrasando corações não-binários desde 1992!

Eu sinceramente acredito que Kirby, apesar de sua infantilidade, é um grande símbolo para a não-binaridade, para a fluidez de gênero, para masculinidades rosadas e para a não-hetero-normatividade, tudo em uma personagem só. Kirby pode ser uma grande inspiração para crianças nbs, e pra adultes que nunca deixaram de ser crianças também.

Se você tem filhes, apresente-lhes Kirby! Talvez a criança se identifique e comece a sair por aí dizendo “Poyo!”

Quem é a coisinha fofa da mamãe? *-*

PS: Eu AMAVA Kirby e Seus Poderes quando era criança <3
Era a minha coisa favorita de Kirby!

Anúncios

Comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.